26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Jucurutu/RN

IFRN Jucurutu será construído ao lado do estádio Lopão

Nesta quarta-feira (25) o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) participou de audiência na reitoria do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), em Natal, para definição do local onde será construído o Campus Avançado do IFRN Jucurutu. A escolha do local foi consensual e o terreno escolhido foi o da família Cassiano, localizado às margens da RN-118, próximo ao estádio “Lopão”, medindo 115m x 430m, cerca de cinco hectares.

“Saímos do encontro felizes por esse momento histórico para nossa Jucurutu, pois nessa reunião, em que participaram todos os envolvidos nesse processo, foi possível tomar as decisões que eram necessárias para darmos continuidade à implantação do IFRN em nosso município, que certamente causará enorme desenvolvimento e beneficiará centenas de milhares de pessoas das regiões Seridó, Vale do Assú e Médio Oeste”, destacou Nelter.

Diante do que ficou acordado na reunião, tanto a Prefeitura, quanto a Câmara, concordaram em envidar esforços para dar rapidez à doação do terreno e, com isso, garantir celeridade ao processo de implantação, que já está com recursos assegurados junto ao MEC, como frisou Daniel Godoy, coordenador-geral de Infraestrutura e Inovação da Rede Federal (Setec/MEC).

Participaram da reunião o reitor em exercício do IFRN, Marcos Oliveira, o chefe da Procuradoria Jurídica em exercício, Braulio Gomes, o assessor de Suporte Organizacional, Francisco Mariz, além do prefeito Valdir Medeiros e dos vereadores Paula Torres (presidente da Câmara), Edivan Fernandes, Da Guia Soares e Fagner Brito.

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Suspeito do desaparecimento da menina Iasmin é preso no litoral do RN

Marcondes Gomes da Silva – Foto: PM/Divulgação

Por G1 RN

Foi preso na tarde desta quinta (26) o pedreiro Marcondes Gomes da Silva, de 45 anos, suspeito do desaparecimento da menina Iasmin Lorena de Araújo, de 12, que aconteceu no dia 28 de março deste ano, em Natal. A prisão foi realizada pela Polícia Militar em Touros, no Litoral Norte potiguar.

Marcondes tinha um mandado de prisão em aberto e teve sua foto divulgada pela Polícia Civil. Segundo a Delegacia Especializada em Defesa da Criança e do Adolescente (CDA) ele é o principal suspeito do caso.

De acordo com a Polícia Militar, os policiais receberam uma informação de que o homem tinha sido visto caminhando na orla, entre as praias de Perobas e Carnaubinha, por volta do meio-dia. Quando a PM chegou ao local, encontrou o suspeito sentado em uma barraca.

Aos policiais, Marcondes afirmou que foi caminhando de Natal até lá, pela beira da praia, e passou dois dias em Rio do Fogo. Ele ainda declarou que seguia para a casa de uma sobrinha em São José de Touros, no município de Touros, onde iria procurar apoio para encontrar um advogado e se apresentar à polícia.

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

“Meu prazer é morrer trabalhando”, diz agricultor de 105 anos que voltou a plantar após chuvas

Por Campelo – Diário do Sertão em Sousa

A chuva que voltou a cair no município de Souza animou os sertanejos e o agricultor Francisco Aparecido, de 105 anos, decidiu voltar a plantar em seu sítio, localizado em São Gonçalo, Distrito da cidade Sorrido da Paraíba.

O aposentado não desistiu da agricultura, começa os trabalhos na roça às 08 horas e já plantou bastante feijão que está sendo colhido.

“Desde rapaz que trabalho de enxada. Meu prazer é morrer trabalhando”, disse o idoso.

A reportagem foi divulgada pela TV Paraíba, afiliada da Rede Globo no Estado.

EM SOUSA: agricultor de 105 anos decide voltar a plantar após chuvas: “Meu prazer é morrer trabalhando”

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Mossoró

Poços em Mossoró estão passando por reparos

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) está trabalhando no reparo de três poços em Mossoró. O poço 28 que atende as imediações do Shopping, Bela Vista, Dix Sept Rosado e Bom Pastor, teve seus cabos roubados e a equipe vai restabelecer seu funcionamento nesta quinta-feira (26).

Já o poço 8 que atende Alto do Xerém, Carnaubal, Alto da Conceição, Belo Horizonte e Centro apresentou problema mecânico e a previsão é restabelecer o funcionamento do poço no sábado (28). O poço 21 que abastece Liberdade, Alto do Sumaré, Dom Jaime Câmara, Planalto 13 de Maio e Ilha de Santa Luzia deve ficar pronto na segunda-feira (30). Este poço apresentou problema elétrico.

Se tudo ocorrer dentro da normalidade os prazos podem ser cumpridos antes do previsto. Durante o período de parada deste poços a Caern vai utilizar água da adutora Jerônimo Rosado para atender as áreas afetadas.

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Vigilância Sanitária libera a venda de quatro novos genéricos

Quatro novos medicamentos genéricos tiveram a venda liberada no Brasil, aumentando a quantidade de remédios com custo mais acessível, anunciou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A aprovação dos registros foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) na segunda-feira (23).

Usado para tratamento de pessoas vivendo com HIV, o Entricitabina combinado com Fumarato de Tenofovir Desoproxila é um dos remédios liberados. Já o Perindopril Erbumina combinado com Indapamida é recomendado para pressão alta, enquanto o Bilastina, para o tratamento de sintomas de rinoconjuntivite alérgica e urticária. O Undecilato de Testosterona serve para terapias de reposição de hormônio sexual em homens com hipogonadismo primário e secundário.

Fonte: Anvisa

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Ranking da Transparência Ambiental avalia desempenho de 104 órgãos na publicação de dados sobre meio ambiente

O Ministério Público Federal (MPF) lançou neste mês de abril o Ranking Transparência Ambiental. O projeto, coordenado pela Câmara de Meio Ambiente e Patrimônio Cultural (4CCR/MPF), avaliou o desempenho de 104 órgãos federais e estaduais em todo o Brasil na publicação de 47 informações prioritárias para o controle ambiental.

O levantamento analisou a disponibilidade dos dados e itens de qualidade, resultando num índice de transparência ativa para cada instituição e em rankings que classificam os órgãos nacionalmente, por unidade da federação e por agendas (exploração florestal, hidrelétrica, pecuária, regularização ambiental e situação fundiária). Agora, o projeto prevê o envio de recomendações às instituições avaliadas, estabelecendo prazo para a correção das falhas detectadas.

“O objetivo da iniciativa é fomentar a cultura da transparência e, com isso, permitir maior fiscalização e controle social sobre a política ambiental executada no país”, explica o subprocurador-geral da República Nívio de Freitas, coordenador da 4CCR.

O projeto apurou se estão disponíveis na internet dados como autorização de exploração florestal, áreas embargadas, terras devolutas, julgamento de infrações ambientais e arrecadação de multas, autorizações de desmatamento e supressão de vegetação, e documentos como Licença Ambiental Única (LAU), Guia Florestal (GF), Plano de Manejo, contrato de concessão florestal, entre outros (veja lista completa aqui).

A iniciativa também verificou itens de qualidade da informação, analisando adequação do formato, atualização e detalhamento. Esses dois subíndices – disponibilidade da informação e qualidade da informação disponível – resultam no índice de transparência ativa, que tem nota máxima igual a 1,0 e gerou a nota das instituições para o ranking (veja mais sobre o cálculo da nota).

Além disso, houve avaliação da transparência passiva. As instituições foram procuradas por meio do Serviço de Atendimento ao Cidadão ou via ofício, com pedido de informação. As que atenderam de forma adequada e dentro dos prazos previstos na Lei de Acesso à Informação (Lei n. 12.527/11) receberam menção “Atende”. As demais foram avaliadas como “Não atende”. A nota da transparência passiva não foi considerada na composição do ranking.

Resultados – No ranking geral de órgãos, seis instituições dividem o primeiro lugar, com nota máxima: Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa/DF); Instituto de Águas do Paraná (PR); Agência Nacional de Águas (ANA); Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-BIO/PA); Instituto Estadual de Florestas do Amapá (IEF/AP); e Instituto Mineiro de Gestão das Águas (MG). Todos receberam nota 1, com atendimento integral aos itens avaliados. No ranking por unidade da federação (Estados e União), o primeiro lugar ficou com a União, com nota 0,78, seguida pelo Pará (nota 0,47), Amazonas (nota 0,41) e Minas Gerais (0,37).

Todos os resultados do levantamento estão disponíveis na página do projeto na internet. Além do ranking geral de órgãos e do ranking por estados, é possível consultar o ranking por agendas, comparar o desempenho de todos os órgãos de cada estado e verificar as informações avaliadas por órgão e os respectivos resultados. “A intenção é repetir a avaliação periodicamente, para mesurar a evolução do nível de transparência ambiental no Brasil”, diz o procurador da República Daniel Azeredo, secretário executivo da Câmara de Meio Ambiente do MPF e coordenador do projeto.

Recomendações – A próxima etapa do projeto é o envio de recomendações aos órgãos avaliados, para correção de problemas. O prazo indicado para adequada implantação das informações ambientais é de 120 dias. As recomendações pedem que os dados estejam em sítio da internet, atualizados conforme prevê a legislação e no grau de detalhamento indicado. Além disso, o MPF pede a disponibilização de ferramenta de pesquisa de conteúdo que permita o acesso à informação de forma objetiva, transparente, clara e em linguagem de fácil compreensão, conforme previsto no art. 8º,§3º, I, da Lei 12.527/11 (Lei de Acesso à Informação).

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Brasil terá mais de 29 mil casos de câncer associados ao peso em 2025, diz estudo

Por G1

Brasil terá 29.490 casos de câncer associados a um elevado IMC (Índice de Massa Corporal) em 2025, mostra estudo publicado por pesquisadores brasileiros, americanos e franceses na “Cancer Epidemiology”. O número responderá a 4,6% de todos os casos de novos câncer diagnosticados.

Pesquisadores chegaram a esse dado a partir de projeções que tiveram por base cálculos realizados em 2012. Naquele ano, o peso elevado respondeu a 15.465 casos de câncer (3,8% do total).

O levantamento teve como primeiro autor Leandro Fórnias Machado de Rezende, do Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Segundo Rezende e demais pesquisadores, as informações podem ser usadas como ferramentas para apoiar programas de prevenção contra o câncer no Brasil.

O estudo já está disponível, mas constará na edição da “Cancer Epidemiology” de junho de 2018, que ainda está em construção.

Em 2025, o Brasil terá 640 mil casos de câncer, segundo a projeção; contra 470 mil casos em 2012. Os autores apontam que a obesidade (IMC > 30) será um fator relevante no aumento dessa maior incidência de tumores. Pesquisadores do estudo apontam que a condição vem numa tendência de crescimento nos últimos anos, chegando a 14,4% dos homems e 25.4% das mulheres com mais de 20 anos em 2013.

Os dados vieram de pesquisas realizadas em 2002 e 2013 no Brasil. O câncer de mama sai na frente como o que mais sofre influência de um peso elevado. São 4777 casos da condição associados ao peso em 2012; em segundo lugar, está o câncer de colo de útero (1729); depois o câncer colorretal (681); de próstata (926) e de fígado (651).

Puxadas pelo câncer de mama e pelo câncer de colo de útero, as mulheres serão as mais afetadas: 18.837 (6,2%) mulheres terão câncer associado ao peso em 2025. Nos homens, esse número é de 15.702 (3,2%).

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Entrevista: Nelter Queiroz fala sobre governo Robinson Faria, eleições e Seguro Defeso

Confira a íntegra da entrevista concedida nesta quarta-feira (25), pelo deputado à jornalista Margot Ferreira, no Jornal do Dia, da TV Ponta Negra:

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Comissão de Assuntos Sociais aprova aposentadoria especial para condutores de ambulância

A Comissão de Assuntos Sociais aprovou o projeto que assegura a aposentadoria especial aos condutores de ambulância após 25 anos de contribuição ao INSS (PLS 349/2017).

O relator, senador Paulo Paim (PT-RS), argumentou que a iniciativa busca proteger a saúde desses profissionais, que trabalham em condições insalubres e estão em contato permanente com pessoas com doenças contagiosas.

Já o senador Eduardo Amorim (PSDB-SE), que é médico, disse que a iniciativa valoriza a categoria e destacou que os condutores de ambulância estão em constante estresse porque precisam dirigir em alta velocidade para salvar vidas.

A proposta original foi sugerida pelo Sindicato de Condutores de Ambulância do Estado de São Paulo e deve ser analisada agora pelo Plenário do Senado.

Senado Notícias

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Em parceria com a prefeitura de Campo Grande, prefeita de Triunfo Potiguar recupera estrada vicinal

A prefeitura de Triunfo Potiguar/RN em parceria com a prefeitura de Campo Grande, realizou a recuperação do acesso da sede do município a comunidade de Boqueirão.

Durante os trabalhos, outros pontos críticos foram recuperados, principalmente o da parede do açude de Várzea cumprida.

“Queremos agradecer ao prefeito Manoel Veras de Campo Grande por ceder máquinas e operadores para juntamente com as do município de Triunfo Potiguar realizar esse trabalho”, destacou a prefeita Lúcia Estevam.

Compartilhe:
Página 1 de 1.44112345...102030...Última »

Busca no Blog

Facebook


Twitter


Parceiros