26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Caicó

Município de Caicó protocola projetos para construção de unidades habitacionais do Minha Casa Minha Vida

O prefeito de Caicó, Batata Araújo, protocolou nesta quarta-feira(25) na Superintendência da Caixa Econômica Federal em Natal uma série projetos e outros documentos relacionados a construção de 432 unidades habitacionais do Programa Minha Casa Minha Vida no bairro Nova Caicó.

Caicó cumpriu todas as etapas e foi a única cidade do Rio Grande do Norte selecionada no programa que irá beneficiar famílias cadastradas junto a Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social. Os projetos técnicos protocolados nesta quarta serão analisados pela equipe da caixa que dará o parecer final para posterior contratação através do Ministério das Cidades.

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Sine-RN oferece 69 oportunidades de emprego nesta quinta-feira (26)

Para concorrer às vagas, o candidato deve se cadastrar via Internet no Portal Mais Emprego do Ministério do Trabalho e Emprego, através do endereço maisemprego.mte.gov.br ou na unidade do Sine Matriz em Natal, na Cidade da Esperança, na Rua Adolfo Gordo, s/n, prédio da Central do Trabalhador, da 8h ás 16h, ou em qualquer agência do Sine nas centrais do cidadão de Natal e no interior.

O interessado que não tem cadastro e acesso ao Portal Mais Emprego, pode comparecer as Agências do SINE, com Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), Número do PIS, cédula de identidade (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência. O atendimento é de acordo com o horário de funcionamento das centrais do cidadão e do SINE Matriz Cidade da Esperança no prédio da Central do Trabalhador, das 8h às 12h e 13h às 16h.

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Para Meirelles, convenção definirá se ele ou Temer será candidato do MDB

Estadão Conteúdo

O ex-ministro da Fazenda e pré-candidato à Presidência da República pelo MDB, Henrique Meirelles, reforçou que o nome do partido para a eleição presidencial será escolhido na convenção da legenda entre ele e o presidente Michel Temer. Ele afirmou que está conversando com o ex-chefe e que no momento oportuno será definido qual dos dois será o candidato do MDB.

Em um almoço com 130 empresários do Conselho das Câmaras de Comércio e Indústria dos países da União Europeia no Brasil (Eurocâmaras), Meirelles evitou responder se considera seu nome melhor que o de Temer. Afastando a possibilidade de ser candidato a vice, ele afirmou que apoiará o candidato de seu partido, seja qual for a decisão da legenda.

Para Meirelles, candidatos reformistas devem ter um desempenho acima do que as pesquisas mostram atualmente. Ele também disse que não é o “candidato do mercado” e acredita que o o processo eleitoral vai levar a uma consolidação das candidaturas de centro.

Em pesquisa Ibope com eleitores de São Paulo divulgada nesta terça-feira, o ex-ministro oscila de 0% a 1%. “O eleitor não espera candidato com declaração bombástica, carisma”, destacou. Perguntado sobre como “conquistar o coração dos eleitores”, Meirelles disse que a campanha eleitoral, com o tempo de rádio e TV, é fundamental para falar como as coisas precisam ser feitas.

Henrique Meirelles afastou a possibilidade de uma aliança entre o MDB e o PSDB em São Paulo. Ele afirmou que o presidente da Fiesp, Paulo Skaf (MDB), é um bom candidato e está bem nas pesquisas, o que não permite ao partido abrir mão de ter candidato próprio em favor de uma coligação.

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Sem categoria

Apostador leva prêmio de R$ 1 milhão da Lotomania

Um apostador acertou as 20 dezenas do concurso 1.860 da Lotomania. O bilhete de Osasco (SP) vai render ao ganhador o prêmio de R$ 1.157.945,72. Os números sorteados na terça-feira (24), em Aparecida do Taboado (MS), foram os seguintes: 06, 09, 11, 13, 27, 30, 38, 51, 56, 65, 73, 75, 77, 78, 79, 80, 91, 92, 95 e 99. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no dia 27, é de R$ 450.000,00. Confira o rateio oficial:

20 números acertados – 1 aposta ganhadora, R$ 1.157.945,72

19 números acertados – 6 apostas ganhadoras, R$ 33.288,92

18 números acertados – 129 apostas ganhadoras, R$ 1.382,43

17 números acertados – 1114 apostas ganhadoras, R$ 112,05

16 números acertados – 6953 apostas ganhadoras, R$ 17,95

15 números acertados – 29395 apostas ganhadoras, R$ 4,24

0 acertos – 1 aposta ganhadora, R$ 99.866,77

QUINA

Nenhum apostador acertou as cinco dezenas do concurso 4.662 da Quina. Os números sorteados nesta terça-feira (24), em Aparecida do Taboado (MS), foram os seguintes: 20, 48, 56, 61 e 67. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no dia 25, é de R$ 2 milhões. Confira o rateio oficial:

Quina – 5 números acertados – Não houve acertador

Quadra – 4 números acertados – 25 apostas ganhadoras, R$ 15.159,91

Terno – 3 números acertados – 3400 apostas ganhadoras, R$ 167,62

Duque – 2 números acertados – 93462 apostas ganhadoras, R$ 3,35

TIMEMANIA

Nenhum apostador acertou as sete dezenas do concurso 1.172 da Timemania. Os números sorteados nesta terça-feira (24), em Aparecida do Taboado (MS), foram os seguintes: 03, 07, 15, 16, 21, 69 e 79. O time do coração é o União Barbarense/SP. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no dia 26, é de R$ 1,3 milhão. Confira o rateio oficial:

7 números acertados – Não houve acertador

6 números acertados – 8 apostas ganhadoras, R$ 12.060,72

5 números acertados – 166 apostas ganhadoras, R$ 830,34

4 números acertados – 3556 apostas ganhadoras, R$ 6,00

3 números acertados – 32332 apostas ganhadoras, R$ 2,00

DUPLA-SENA

Nenhum apostador acertou as seis dezenas das duas faixas do concurso 1.780 da Dupla-Sena. Os números sorteados nesta terça-feira (24), em São Paulo, foram os seguintes: 1º sorteio – 16, 28, 36, 37, 42 e 45; 2º sorteio – 11, 13, 18, 19, 24 e 46. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no dia 26, é de R$ 2,6 milhões. Confira o rateio oficial:

Premiação – 1º Sorteio

Sena – 6 números acertados – Não Houve ganhadores

Quina – 5 números acertados – 11 apostas ganhadoras R$ 8.483,05

Quadra – 4 números acertados – 1361 apostas ganhadoras R$ 78,35

Terno – 3 números acertados – 26227 apostas ganhadoras R$ 2,03

Premiação – 2º Sorteio

Sena – 6 números acertados – Não Houve ganhadores

Quina – 5 números acertados – 29 apostas ganhadoras R$ 2.895,94

Quadra – 4 números acertados – 1829 apostas ganhadoras R$ 58,30

Terno – 3 números acertados – 30663 apostas ganhadoras R$ 1,73

Fonte: Com informações da Folhapress

Compartilhe:
26/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Secretários de Educação se reúnem pela primeira vez com novo ministro

Foto: José Aldenir/ Agora Imagens

A secretária de Educação do RN, Claudia Santa Rosa cumpriu agenda ontem em Brasília. Na pauta, ela e os secretários de Educação de todo o país participaram da II Reunião Extraordinária do Consed. Foi a primeira reunião dos gestores com o novo ministro da Educação, Rossieli Soares.

“Uma reunião para dialogar e fazer a Educação avançar. O Ministro até pouco tempo integrou o Consed, enquanto esteve Secretário do Amazonas. É competente, sensível e conhece as demandas do estado. Apresentei questões centrais que afetam o RN e ouvi do Ministro o compromisso de tratar junto ao presidente do FNDE”, disse Santa Rosa.

O encontro também marcou a transmissão da presidência do Consed do ex-secretário de Educação do Ceará, Idilvan Alencar, para a secretária de Educação do Estado do Mato Grosso do Sul, Cecilia Motta. “A posse da Secretária Cecília nos dá a segurança de que o Consed continuará cada vez mais forte. O presidente Idilvan marcou a sua gestão pela integração dos Secretários e democratização dos espaços de representação”, destacou a secretária.

A posse acontece durante a II Reunião Extraordinária do Consed, evento que conta com a presença do ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva, em sua primeira agenda com os secretários. No encontro, o Consed apresentou os novos secretários de Educação, definiu a vice-presidência das regiões Norte e Centro-Oeste e apresentou o status dos Grupos de Trabalho do Conselho.

Cecilia Motta assume o Consed após a saída de Idilvan Alencar, uqe presidiu do Conselho entre fevereiro de 2017 e abril de 2018. “Temos grandes desafios pela frente, como o Regime de Colaboração entre estados e municípios para a construção dos currículos, a reforma do ensino médio e a escola de tempo integral, buscando o melhor para nossos estudantes e o avanço da educação pública brasileira”, afirmou a nova presidente.

Junto ao Consed, a secretária Claudia Santa Rosa é membro do Conselho Fiscal e coordena Grupos de Trabalho do Ensino Médio e de Formação de Professores.

Compartilhe:
25/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

IFRN oficializa parceria com Penitenciária Federal para dar aula a apenados

Os detentos do Presídio Federal de Mossoró são oficialmente alunos do Instituto Federal do Rio Grande do Norte. Nesta terça-feira (24) foi formalizado o acordo de cooperação educacional entre a instituição e a penitenciária, que oficializa o projeto “De Olho no Futuro”, que tem como objetivo garantir certificados de ensino médio e superior para os apenados.

Dez internos da penitenciária já fazem, à distância, o curso de graduação em Gestão Ambiental. As aulas começaram há seis meses e, por ser pioneiro, o projeto está em constante fase de adaptação. A penitenciária tem uma série de regras para garantir a segurança tanto dos apenados quanto dos trabalhadores.

“Eles têm restrição para manipular livros e acesso à internet, dentre outras coisas. Estamos nos adaptando ao máximo à rotina do presídio”, explicou o professor Augusto César Fialho Wanderley, que é coordenador da turma especial para os detentos e também pesquisador em segurança pública no sistema prisional.

O projeto

Segundo a lei nº 12.433, de 29 de junho de 2011, a pessoa que cumpre a pena em regime fechado ou semiaberto pode abater, por trabalho ou por estudo, parte do tempo de execução. Para cada 12 horas de frequência escolar ou três dias de trabalho, essa pessoa tem o direito a reduzir um dia do tempo de privação de liberdade. “Acreditamos muito, enquanto gestores e educadores, que a educação realmente é o instrumento mais eficaz de transformação social, de qualificação e inserção no mercado de trabalho”, afirmou Alexsandro de Oliveira, diretor-geral do Campus EaD do Instituto.

Tudo começou quando, por incentivo da pedagoga da penitenciária, Jussara Oliveira, os detentos fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio, ainda em 2016, inscreveram as notas para o curso de Gestão Ambiental Presencial do Campus Mossoró do IFRN e foram aprovados: “Tivemos dez alunos aprovados no curso, que era presencial. Surgiu então a necessidade de levar o conhecimento até eles. Encaramos o desafio e não desistimos deles, que querem aprender”, disse Jailton Barbosa, diretor-geral do CampusMossoró.

A pedagoga atua como intermediadora entre o campus e os detentos, trazendo materiais, direcionando o conteúdo e levando provas, testes e atividades. Para Jussara, a garantia de uma boa educação é uma forma de ressocializar pessoas condenadas à prisão: “ela possibilita que, ao retornar à sociedade após quitar sua dívida com a justiça, os ex-presidiários tenham outras opções que não o regresso à criminalidade. Uma boa formação profissional e educacional proporciona melhores alternativas de inserção social e de remuneração, prevenindo a reincidência”, disse.

O curso

A parceria entre a penitenciária e o campus não é nova. Desde a criação do presídio federal, as instituições mantêm projetos voltados ao ensino dos apenados. “A ampliação da parceria é muito importante, pois permite a oferta de cursos a distância para os internos, a oportunidade de capacitação para servidores de ambas as instituições, bem como a possibilidade de desenvolvermos projetos de ensino, pesquisa e extensão em ambientes do sistema prisional”, destacou Jailton.

O Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental, na modalidade a distância, tem como objetivo formar profissionais com competência para compreender e analisar criticamente as atividades tecnológicas, econômicas, produtivas e sociais que possam causar impactos ao meio ambiente, e propor alternativas preventivas e/ou corretivas, de solução e/ou de prevenção, para a melhoria e conservação da qualidade ambiental.

Compartilhe:
25/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

“Má avaliação de Robinson não me causa satisfação”, diz Garibaldi

Por Allan Darlyson

Presidente do MDB do Rio Grande do Norte, o senador Garibaldi Filho declarou, em entrevista ao portalnoar.com, nesta quarta-feira (25), que a má avaliação do governo Robinson Faria (PSD) não o deixa satisfeito. Garibaldi avaliou o seu mandato, as perdas que o partido vem tendo, o peso eleitoral do seu apoio ao presidente Michel Temer, as expectativas para as eleições deste ano e confirmou que será candidato à reeleição.Confira a entrevista:

Como o senhor avalia o último mandato de senador?

Cumprindo uma missão partidária, passei os quatro primeiros anos do meu atual mandato exercendo a função de ministro da Previdência Social. Naquela Pasta, eu trabalhei no sentido de aprimorar o atendimento dos segurados do INSS e expandir a rede de agências. Em quatro anos, entreguei 300 novas agências da Previdência, sendo vinte no Rio Grande do Norte. O programa Empreendedor Individual passou de 760 mil cadastrados para 4,5 milhões. Também desenvolvemos um programa para que as donas de casa pudessem adquirir direitos previdenciários. Concluída essa tarefa, retornei ao Senado e dediquei meu mandato, principalmente, a questões ligadas diretamente ao nosso Estado. Priorizei temas ligados à transposição das águas do Rio São Francisco, ações emergenciais contra à seca, valorização do homem do campo, duplicação da BR-304 e outras medidas voltadas para redução da criminalidade, educação e saúde.

O senhor acha que o apoio ao presidente Michel Temer pode prejudicá-lo eleitoralmente?

Nunca dependi de lideranças nacionais para me eleger. Sempre disputei eleições submetendo ao julgamento do eleitor o meu desempenho como parlamentar ou ocupante de cargo no executivo. Tenho uma história que, felizmente, a população do Rio Grande do Norte tem aprovado e acolhido. Por outro lado, como homem de partido e tendo a minha vida pautada na coerência, não considero que estaria agindo com correção se passasse a rechaçar o governo do presidente Michel Temer. Até porque, independentemente de sua popularidade, o atual governo conseguiu importantes resultados, sobretudo na recuperação da economia do país.

O MDB vem sofrendo perdas no último ano. Como o senhor pretende reverter essa tendência?

Da mesma forma que muitos outros partidos, o MDB perdeu alguns nomes. Essa troca de sigla se deu não por cunho ideológico, mas em virtude das eleições de 2018. Lamento que isso tenha ocorrido, mas, na condição de presidente do MDB, vou trabalhar para que possamos reconquistar essas vagas. O fato de o nosso partido ter um trabalho consolidado no Rio Grande do Norte vai contribuir para que nosso objetivo seja alcançado. Contamos hoje com 45 prefeituras e 26 vice-prefeituras. Esta estrutura partidária será fundamental para que possamos obter um ótimo resultado nas próximas eleições. Terminado o período eleitoral, vamos iniciar uma campanha para novas filiações.

O senhor já declarou publicamente apoio à pré-candidatura do ex-prefeito Carlos Eduardo ao governo. Por que o senhor o considera o melhor nome?

Carlos Eduardo tem a experiência exigida para concorrer ao Executivo estadual. Tanto ocupando cargos no executivo quanto no legislativo ele demonstrou a competência e a seriedade necessárias para um bom exercício dos mandatos concedidos pelo povo. Em 2013, quando assumiu novamente a prefeitura de Natal, recebeu a cidade em uma situação de extrema dificuldade. Com muito trabalho, conseguiu superar os problemas e, ao final daquele mandato, teve sua administração aprovada pelo eleitorado, que o reelegeu para o cargo já no primeiro turno. Aliado naquele pleito eleitoral e participante da gestão, o MDB, também por coerência, apoia Carlos Eduardo para o cargo de governador do Rio Grande do Norte.

Qual a avaliação que o senhor faz do governo Robinson Faria?

A má avaliação do governador Robinson Faria não me causa a menor satisfação. Muito pelo contrário: me entristece e causa preocupação constatar que os norte-rio-grandenses estão carentes até de serviços essenciais. Lamentavelmente, alguns ajustes necessários para a saúde financeira do Estado não foram feitos no início do governo e o resultado é esse que todos nós estamos vendo. Porém, prefiro não fazer uma avaliação mais incisiva pois somente quem está sentado naquela cadeira de governador tem a exata noção do que deve e pode fazer.

A Assembleia começou a debater a denúncia contra o governador por crime de responsabilidade, o mesmo que culminou com o impeachment de Dilma. O senhor é a favor da investigação?

Não tenho as informações necessárias para opinar se a Assembleia deve ou não aceitar a representação do Ministério Público Estadual por crime de responsabilidade. Menos ainda para saber se seria correta ou não a comparação com o caso do impeachment da então presidente Dilma Rousseff.

Quais a expectativas do senhor, como pré-candidato à reeleição e presidente estadual do MDB, para as eleições deste ano?

Estou bastante otimista. Antecipadamente, sou muito agradecido pelo acolhimento que a minha candidatura recebeu junto aos correligionários e amigos do MDB. Também sou grato pela aceitação que a opinião pública tem demonstrado, por meio das pesquisas divulgadas até agora. Mas o fato é que a eleição somente será realizada no mês de outubro.

Tendo uma chapa fechada com Carlos Eduardo para o Governo, o senhor e o senador José Agripino para o Senado, é possível atrair ainda novos aliados?

Apesar de a chapa já estar definida, até agosto trabalharemos para o fortalecimento destas pré-candidaturas. A nossa expectativa é que os nomes cogitados se confirmem e possamos dialogar com o eleitor potiguar e demonstrar nossas ideias, planos e propostas em favor da reconstrução do Rio Grande do Norte.

Chegou-se a especular nos meios políticos a hipótese de o senhor não disputar a reeleição. Existe essa possibilidade? Caso não seja candidato a senador, qual cargo disputará?

Repito: serei candidato à reeleição. Cheguei a esta decisão depois de ouvir amigos, familiares e correligionários, e de refletir bastante. Pretendo mais uma vez colocar a minha dedicação, empenho, conhecimentos e experiência em favor do Rio Grande do Norte e da população potiguar.

Compartilhe:
25/04/2018
Por Danilo Evaristo em Mega-Sena

Mega-Sena pode pagar hoje um prêmio de R$ 3 milhões

Por G1

O concurso 2.034 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) desta quarta-feira (25) em Aparecida do Taboado (MS).

Compartilhe:
25/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Nelter cobra aplicação de recursos do Governo Cidadão para o interior do RN

O deputado Nelter Queiroz (MDB) sugeriu, durante sessão ordinária na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira (25), um debate entre os pré-candidatos ao Governo do Estado para que conheçam a realidade do interior do Rio Grande do Norte e assumam o compromisso de aplicar os recursos do Governo Cidadão, oriundos do Banco Mundial, nessas regiões.

“Os recursos do Banco Mundial é um assunto que deve ser debatido no interior do Estado entre os pré-candidatos ao Governo, as classes empresariais e política e a população. O dinheiro deve ser investido em obras importantes para a região”, disse Nelter.

O parlamentar chamou a atenção para os recursos que precisam ser aplicados na pavimentação asfáltica da RN- 088 que liga os municípios de Florânia, São Vicente, Cruzeta, e Jardim do Seridó. “Essa estrada não precisa de pontes, apenas de asfalto diminuindo o tempo de viagem de quem passa pelo local”, destacou Nelter, que chamou a atenção ainda para a estrada que liga Santana do Matos aos municípios da Serra de Santana e a RN que liga Assu, Porto Piató e a Comunidade Mãe Lindalva.

IFRN em Jucurutu

Na ocasião, o deputado registrou ainda a participação na reunião com a reitoria do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN). O IFRN vai chegar à cidade de Jucurutu e beneficiar em torno de 200 mil pessoas nas regiões Seridó, Vale do Assú e Médio Oeste.

A sede do Instituto será construída às margens da RN-118 ao lado do estádio Lopão. Provisoriamente vai funcionar a partir de agosto, na escola Wagner Lopes.

Compartilhe:
25/04/2018
Por Danilo Evaristo em Notas

Média de elevação na barragem Armando Ribeiro é de 20 centímetros a cada 24 horas

Nos últimos três dias a barragem Armando Ribeiro Gonçalves no Vale do Açu tem elevado em média 20 centímetros a cada 24 horas o seu volume hídrico. De domingo para segunda, a lâmina de água subiu 21 centímetros. De segunda para terça-feira a subida foi de 19. Já de terça para quarta foram 20 centímetros a mais.

Desde o dia 12 de fevereiro até esta quarta-feira, 25 de abril a água do reservatório subiu 06 metros e 88 centímetros. Em janeiro a barragem Armando Ribeiro Gonçalves estava com 11,5% de sua capacidade total de armazenamento que é de 2,4 bilhões de metros cúbicos. Para que possa sangrar ainda em 2018 é necessário elevar a sua cota em 13 metros e 66 centímetros. Atualmente o volume é de 672 milhões 252 mil metros cúbicos e a reserva hídrica é de 28,01%.

Blog Assú Todo Dia

Compartilhe:
Página 30 de 1.469« Primeira...1020...2829303132...405060...Última »

Busca no Blog

Facebook


Twitter


Parceiros