21/11/2016
Por Danilo Evaristo em Mega-Sena

Ninguém acerta e Mega-Sena pode pagar R$ 13 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 1.878 da Mega-Sena, realizado na noite de sábado (19), e o prêmio está acumulado, podendo chegar a R$ 13,4 milhões no próximo concurso. O sorteio foi realizado em Varginha (MG). Veja as dezenas sorteadas: 12 – 16 – 26 – 40 – 56 – 57. A quina teve 36 apostas ganhadoras e cada uma vai levar R$ 58.126,73. Outras 2.981 apostas  acertaram a quadra e vão ganhar R$ 1.002,80 cada uma.

Compartilhe:
21/11/2016
Por Danilo Evaristo em Notas

Abono salarial ano-base 2015 começa a ser pago nesta segunda (21)

A partir desta segunda-feira (21), o Ministério do Trabalho libera o pagamento do Abono Salarial do PIS/ Pasep ano-base 2015 para os trabalhadores nascidos no mês de novembro. Também a partir desta data, o benefício estará disponível para os servidores públicos com final da inscrição 4.

Os trabalhadores da iniciativa privada poderão retirar o dinheiro em qualquer agência da Caixa Econômica do País. Já os servidores públicos devem sacar o valor no Banco do Brasil. O recurso fica disponível para saque até 30 de junho de 2017. Entretanto, os beneficiários devem seguir o calendário de saques programado para o PIS/Pasep para evitar tumultos nas agências bancárias.

Tem direito ao abono ano-base 2015 quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos um mês no ano passado e teve remuneração média de até dois salários-mínimos. Além disso, o trabalhador deve estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e o empregador precisa ter informado seus dados corretamente na Relação Anual de Informação Social (Rais).

A partir deste ano, o valor do abono é proporcional aos meses trabalhados durante o ano-base. “Quem trabalhou durante apenas um mês receberá o equivalente a 1/12 do salário-mínimo, e assim sucessivamente. A fração igual ou superior a 15 dias de trabalho será contada como mês integral”, explicou o coordenador-geral do Seguro Desemprego, Abono Salarial e Identificação Profissional do Ministério do Trabalho, Márcio Borges.

Calendário de pagamento do PIS*

000-tabela-pis-base2015

*O crédito em conta para correntistas da Caixa será efetuado dois dias antes da data estabelecida para o saque.

Calendário de pagamento do Pasep*

000-2tabela-pasep-base2015

*O crédito em conta para correntistas do Banco do Brasil será efetuado a partir do terceiro dia útil anterior ao início de cada período de pagamento.

Compartilhe:
20/11/2016
Por Danilo Evaristo em Notas

Prisão de Lula não me traria alegria, diz Aécio Neves

aecio-neves

Foto fornecida por New adVentures, Lda

Numa semana conturbada para a política do país, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) comentou sobre o andamento da Operação Lava Jato e planos do partido para as eleições de 2018.

O presidente nacional do PSDB disse ver com cautela a prisão do ex-governador do Rio Sérgio Cabral. “Não conheço o caso. Mas temos de ter cuidado para que a prisão não seja a primeira etapa de um processo”, disse, em entrevista ao jornal Estado de S. Paulo.

Aécio também encara com ressalvas uma possível prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. “Não torço pela prisão do Lula, mas para que a Justiça seja feita. A prisão dele não me traria alegria, mas eu não preocuparia com as consequências”, afirmou.

O senador admite, inclusive, um possível abuso na condução coercitiva de Lula. “Talvez pudessem ter obtido o mesmo resultado de outra forma”, disse. Aécio nega, porém, que a Operação Lava Jato esteja em risco.

“Não vejo a Lava Jato com essa fragilidade. Não se pode considerar uma afronta ao Ministério Público as medidas para que a legislação seja cumprida”, defendeu. A respeito dos planos do partido para 2018, Aécio foi diplomático e admitiu que o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, possa tomar a frente da disputa após a vitória de João Doria na prefeitura de SP.

Compartilhe:
20/11/2016
Por Danilo Evaristo em Esporte

Brasileirão: Briga pelo título e fuga do Z-4 agitam 36ª rodada

gabriel-jesus

Créditos: Cesar Greco / SE Palmeiras

A 36ª rodada do Brasileirão se inicia neste domingo (20) com nove jogos e promessa de fortes emoções tanto para os times que brigam pelo título, quanto para os que lutam contra o rebaixamento. Para continuar sonhando com o título brasileiro e evitar a conquista antecipada do Palmeiras, tanto Santos, como Flamengo entram em campo pressionados e com um único pensamento: a vitória. Já na parte de baixo da tabela, o Figueirense aposta todas suas fichas no confronto direto com o Vitória para se manter vivo na luta contra a degola.

BRIGA PELO TÍTULO

17h – Palmeiras x Botafogo – Allianz Parque, em São Paulo

17h – Cruzeiro x Santos – Mineirão, em Belo Horizonte

19h30 – Flamengo x Coritiba – Maracanã, no Rio de Janeiro

Líder isolado da competição com 71 pontos, quatro a mais que o Peixe e cinco do Rubro-Negro, o Palmeiras tem a chance se sagrar campeão com duas rodadas de antecedência. Para isso, o Verdão precisa superar o Botafogo no Allianz Parque, em São Paulo, às 17h, e torcer por uma derrota do rival paulista diante do Cruzeiro, no mesmo horário, no Mineirão, em Belo Horizonte, e um tropeço dos cariocas, às 19h30, contra o Coritiba, no Maracanã, no Rio de Janeiro.

LUTA CONTRA O REBAIXAMENTO

17h – Vitória x Figueirense – Manoel Barradas, em Salvador

A rodada também é decisiva para o Figueirense. Para ganhar uma sobrevida na competição e continuar com chances de evitar a degola, o Alvinegro vai até Salvador enfrentar o Vitória, concorrente direto na luta contra o rebaixamento. Com 34 pontos, cinco a menos que o rubro-negro, o time catarinense encara a partida como uma decisão. Já o Leão aposta na força do Barradão para garantir os três pontos e se manter fora do Z-4. O duelo está marcado para as 17h.

Confira os outros duelos deste domingo (20):

17h – Grêmio x América-MG – Arena do Grêmio, em Porto Alegre

17h – Atlético-PR x Sport – Arena da Baixada, em Curitiba

17h – Ponte Preta x Fluminense – Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)

19h30 – Chapecoense x São Paulo – Arena Condá, em Chapecó (SC)

19h30 – Santa Cruz x Atlético-MG – Arruda, em Recife

Compartilhe:
19/11/2016
Por Danilo Evaristo em Jucurutu/RN

Jucurutu: Thiago Lopes é morto com tiro de 12 na cabeça

thiago-lopes

Thiago Lopes

O Blog PM Jucurutu informa que um homicídio foi registrado por volta das 20h20, deste sábado (19) em Jucurutu. A vítima já foi identificada e trata-se de Thiago Lopes. De acordo com as primeiras informações, Thiago, foi morto com pelo menos um tiro de espingarda calibre 12, que atingiu a região da cabeça.

Ele foi pego de surpresa, quando estava em um churrasquinho, no bairro Santa Isabel, próximo ao supermercado Floraci. A Polícia, que está em diligências para tentar identificar e prender o (s) criminoso (s), ainda tem poucas informações sobre as características do atirador ou dos atiradores. Apenas depois que forem colhidas informações, será possível seguir uma linha de investigação.

Compartilhe:
19/11/2016
Por Danilo Evaristo em Notas

FEMURN aciona Justiça para garantir repasses as prefeituras

ivan-junior

Ivan Lopes Júnior

A Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN – irá acionar a justiça para garantir os repasses de juros e multas da repatriação para os municípios potiguares. O anúncio foi feito ontem (18) pelo presidente da Federação e prefeito de Assú, Ivan Lopes Júnior em entrevista concedida ao vivo no jornal Bom Dia RN, da Intertv Cabugi.

Segundo Ivan, a ação é necessária para garantir o repasse aos municípios: “Ontem à noite, o presidente Temer anunciou que pode repassar os recursos aos municípios de forma administrativa, mas diante da preocupação dos gestores que já vêm sofrendo com a falta de respeito com a causa municipalista, decidimos entrar com uma ação na justiça para garantir o dinheiro”, afirmou Ivan.

Ivan alertou que as dificuldades já enfrentadas durante todo o ano, se agravam neste período, com o pagamento de décimo terceiro e prestação de contas. O presidente lembrou, inclusive, que o Projeto de Lei Complementar (PLP) 315/2016 que trata de uma proteção aos gestores municipais para que não sejam penalizados pelas exigências na Lei de Responsabilidade Fiscal, uma vez que esta não leva em consideração as perdas financeiras vivenciadas nestes dois últimos anos, está em tramitação no Congresso e deve ser aprovado.

O presidente da FEMURN também afirmou que a redução das receitas prejudica o atendimento dos serviços públicos para a população: “Os municípios vem fazendo seu dever de casa, cortando despesas, buscando melhorar a eficiência da gestão, mas mesmo assim a queda de receita constante prejudica o planejamento e afeta a vida do cidadão, porque temos dificuldades de manter os serviços básicos”, lamentou Ivan.

Compartilhe:
19/11/2016
Por Danilo Evaristo em Jucurutu/RN

“Não sou promotor de Facebook, nem de WhatsApp! Se alguém tiver alguma coisa pra dizer ao MP, venha aqui”, diz promotor de Jucurutu

img_7193

Carlos Henrique – Foto: Danilo Evaristo

Blog do Danilo Evaristo – Durante a entrevista que concedeu na última quinta-feira (17), ao radialista e blogueiro, Rivanildo Júnior, o promotor de justiça de Jucurutu, Carlos Henrique, foi indagado, sobre o que ele tinha a dizer a respeito de comentários espalhados pelas redes sociais, dando conta que a prática de bingos em Jucurutu, teria sido liberada. O promotor respondeu, mandando um recado as pessoas que usam as redes sociais promovendo “fuxico”.

“Eu quero até dá um recado à população: Eu não sou promotor de Facebook, nem de WhatsApp! Sei que tem uma turma que gosta muito de está fuxicando em WhatsApp, arengando em Facebook, soltando piadinha em Facebook. Se alguém tiver alguma coisa pra dizer ao Ministério Público, venha aqui. Venha dizer de viva voz, venha fazer uma representação escrita. Então assim, só pra esclarecer, quem achar que estar reclamando de alguma coisa em Facebook, que eu vou tomar alguma providência, está muito enganado. Venha aqui, venha conversar, venha dá o seu nome, venha se qualificar e aí a gente toma as medidas que forem pertinentes ”, comentou o promotor.

Compartilhe:
19/11/2016
Por Danilo Evaristo em Notas

Atividade de aquicultura fatura mais de R$ 4 bi no Brasil

A criação de peixes, crustáceos e outros pescados é um mercado em ascensão no mundo inteiro, com crescimento de mais de 200% nos últimos 15 anos. No Brasil, a produção em 2015 chegou a quase 600 mil toneladas com um faturamento de R$ 4,4 bilhões, de acordo com os dados do IBGE. Mas esse número ainda tem espaço a ser explorado.

Compartilhe:

Busca no Blog

Facebook


Twitter


Parceiros