01/07/2017
Por Danilo Evaristo em Notas

“Henrique está preso injustamente”, diz Garibaldi Alves

Foto: Waldemir Barreto/ Agência Senado

Na avaliação de Garibaldi, Henrique foi detido “injustamente”. “Isso já foi demonstrado pelos seus advogados, que vão recorrer da decisão”, complementa o senador, sem especificar os motivos para essa avaliação.

A prisão de Henrique Alves, comandante estadual do partido, transformou o cenário interno do PMDB em um ambiente conturbado. Mediante as indefinições quanto ao futuro da legenda e os projetos para as eleições de 2018, após reuniões e debates, os membros da sigla resolveram nomear o deputado federal Walter Alves como presidente interino.

“Como vice-presidente, o deputado Walter Alves vai assumir interinamente [a presidência estadual do partido]. O ex-deputado Henrique, inclusive, colaborou para isso”, relata Garibaldi.

 ELEIÇÕES 2018

Questionado sobre o pleito do ano que vem, Garibaldi revela que o que se tem de concreto em termos de articulação política na cúpula do PMDB potiguar até o momento é o debate em torno da possível candidatura do prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT) ao Governo do Estado em 2018.

“Se o prefeito, que tem uma aliança conosco, aceitar a candidatura, entendemos que ele é a nossa primeira opção. E a melhor opção para o Rio Grande do Norte”, declara o senador. “Até porque o vice dele é do PMDB [Álvaro Dias]. Mas não apenas por isso, dado o êxito que ele teve até agora em quatro mandatos de prefeito de Natal”, completa.

De acordo com Garibaldi, a análise sobre a opção do partido para a disputa de governador é a única pauta das discussões. “Política tem muita conversa e tem momentos que não tem decisão”, explica.

Segundo ele, a partir da definição sobre o nome que será apoiado pela legenda na corrida pela sucessão do governador Robinson Faria é que haverá decisões quanto aos outros cargos. Porém, ele antecipa que planeja se candidatar à reeleição. “Eu pretendo disputar. Se eu continuar a contar com a confiança do povo do Rio Grande do Norte, eu novamente serei candidato”, frisa.

A dedicação à política estadual, inclusive, foi o motivo elencado por Garibaldi para ter descartado a possibilidade de assumir a liderança do PMDB no Senado Federal, após a saída de Renan Calheiros do posto.

“Foi muito cogitado e eu fiquei lisonjeado, mas disse a eles [integrantes da bancada] que não era o meu momento de assumir a liderança. A gente tem que assumir determinadas tarefas, seja no Parlamento ou no Executivo, bem à vontade. E eu não me sinto à vontade para exercer a liderança neste momento. Eu preciso voltar as atenções para o meu estado e isso não dá para conciliar com as obrigações que o líder tem em Brasília”, finaliza.

Agora RN

Compartilhe:
01/07/2017
Por Danilo Evaristo em Notas

Jovens que perderam alistamento devem regularizar situação na Junta Militar

Foto: Arquivo/Agência Brasil

O prazo para alistamento militar obrigatório terminou nessa sexta-feira (30). Quem não se apresentou fica em débito com o Serviço Militar na situação de refratário.

Além disso, o jovem que não se alistar estará sujeito a multa, no valor de R$ 4,03, que aumenta por dia de atraso. Para regularizar a situação, é preciso comparecer a uma Junta de Serviço Militar (JSM) mais próxima da sua residência para em seguida marcar uma nova data para seleção.

O alistamento é obrigatório e, sem ele, o cidadão fica impedido, por exemplo, de tirar passaporte, ingressar no serviço público ou ser matriculado em qualquer instituição de ensino – inclusive universidades.

Todo cidadão brasileiro do sexo masculino deve se alistar ao completar 18 anos. O brasileiro naturalizado ou brasileiro por opção deve iniciar o processo de alistamento em um prazo de 30 (trinta) dias, a contar da data em que receber o certificado de naturalização ou da assinatura do termo de opção. As mulheres estão isentas do Serviço Militar em tempo de paz.

Compartilhe:
01/07/2017
Por Danilo Evaristo em Notas

Rogério Marinho critica manifestações de sindicalistas pelo país: “Carnapelego”

Rogério Marinho – Foto: Divulgação

Relator do projeto de modernização das leis trabalhistas na Câmara, o deputado federal Rogério Marinho (PSDB) criticou os protestos realizados pelo país nesta sexta-feira 30. Para o parlamentar, as manifestações foram compostas em sua ampla maioria por “sindicalistas pelegos” que causaram transtornos a população. Durante todo o dia, foram várias as imagens de pequenos grupos impedindo o tráfego de veículos em vias movimentadas do país.

“É fato que o governo Temer é impopular, mas é fato também que os que estão nas ruas hoje são sindicalistas pelegos, militantes com sua diária no bolso. E ao invés de fazerem sua greve, fazem piquetes, queimam pneus, impedem a população de ir e vir. Não à toa a adesão é tão baixa, é um Carnapelego”, disse Rogério Marinho durante entrevista concedida à 96 FM nesta sexta.

O parlamentar ainda rebateu recente declaração da senadora Fátima Bezerra (PT), que lhe classificou como o “carrasco dos trabalhadores”. Para o deputado, “o verdadeiro carrasco do trabalhador é o PT”. Rogério citou pesquisa divulgada pelo Estadão, apontando o próprio partido da senadora como o mais identificado com a corrupção na opinião de mais de 60% dos brasileiros.

Segundo Rogério, “a corrupção e o desgoverno do PT” nos últimos 13 anos são responsáveis diretos pela crise econômica enfrentada atualmente pelo país, que levou ao desemprego de milhões de pessoas. O parlamentar acredita que a modernização das leis trabalhistas será fundamental para o Brasil retomar o seu desenvolvimento e voltar a gerar emprego e renda.

Compartilhe:
01/07/2017
Por Danilo Evaristo em Caicó

Prefeito e vice comemoram R$ 2 milhões para pavimentação em Caicó

Prefeito e vice comemoram R$ 2 milhões para pavimentação em Caicó

A gestão formada pelo prefeito de Caicó, Batata Araújo, e o vice-prefeito Marcos do Manhoso tem apenas seis meses de gestão. No entanto, durante este período já viabilizou mais de dois milhões de reais que serão investidos em obras de pavimentação. Os recursos estão chegando através de emendas parlamentares, obtidas graças ao empenho do prefeito, do vice e vereadores do município de Caicó junto a deputados estaduais e federais.

Batata conseguiu 900 mil reais através de emendas parlamentares para calçamento, sendo 800 mil com o deputado federal Rogério Marinho e 100 mil com o deputado estadual Gustavo Carvalho. Já o vice-prefeito Marcos em parceria com os vereadores Maria Cleide, Erinaldo Lino e Diogo Silva conseguiram 300 mil reais com o deputado federal Beto rosado. Erinaldo Lino ainda obteve mais 90 mil reais através do deputado estadual Nélter Queiroz.

Ainda foi recebida emenda para pavimentação através do deputado e hoje vice-prefeito de Natal, Álvaro Dias, no valor 300 mil reais, que atenderá vias do município por indicação dos vereadores Odair Diniz, Ivonete Dantas e Lobão Filho. A gestão municipal está elaborando os projetos referentes a emendas citadas acima, além de sanar problemas burocráticos de mais dois convênios deixados pela gestão anterior, os quais somam cerca de 900 mil reais.  Outros recursos para obras de pavimentação estão sendo solicitados.

Compartilhe:
01/07/2017
Por Danilo Evaristo em Notas

Governador visita Estação das Artes em noite de Mossoró Cidade Junina

Governador visita Estação das Artes em noite de Mossoró Cidade Junina

O governador Robinson Faria participou de mais uma edição do Mossoró Cidade Junina, uma das maiores festas populares do Rio Grande do Norte. A visita à Estação das Artes, na noite desta sexta-feira, 30, antecede um dia inteiro de agenda administrativa no Município.

“Esta festa tem uma grande importância para a cultura do estado. Estou aqui para prestigiar, apoiar e me encontrar com a alegria do povo mossoroense. Amanhã, terei uma agenda bastante intensa”, assinalou Robinson, lembrando que o Governo é um parceiro da festa.

“A segurança está funcionando a todo vapor”, citou, ao lado do Comandante Geral da Polícia Militar, Coronel André Azevedo, enquanto acompanhava o videomonitoramento realizado no caminhão do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), instalado na Estação das Artes. Nesta semana, o Governo do Estado investiu R$ 8,3 milhões em equipamentos para o Ciosp, benefício estendido a Mossoró, onde o sistema de comunicação deixará de ser analógico e passará a ser digital.

Compartilhe:
01/07/2017
Por Danilo Evaristo em Notas

MEC lança programa para conectar instituições de ensino do Nordeste

O ministério da Educação (MEC) lançou, nesta sexta-feira (30), o Programa Nordeste Conectado, que irá interligar, em alta velocidade, instituições federais de educação e pesquisa à Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), nas capitais e no interior do Nordeste. Com esse programa, essas instituições terão acesso a uma rede com possibilidade de alcançar uma velocidade de 100 Gbps.

Segundo o ministério, O programa pode atingir, ainda, 12,6 mil escolas públicas e beneficiar uma população de mais de 16,3 milhões de pessoas, distribuídas pelos nove estados da região. “Vamos conectar, em alta velocidade, as principais universidades, os institutos, os centros de pesquisas e os parques tecnológicos à RNP do Nordeste”, afirmou o ministro da Educação, Mendonça Filho.

Para implantar a Fase 1 do Nordeste Conectado, prevista para operar a partir de dezembro, o MEC vai investir R$ 25 milhões. O programa é fruto de uma cooperação técnica entre o MEC, a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa, o Ministério de Minas e Energia e a Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf). Seu principal objetivo é o compartilhamento de infraestrutura óptica em toda região Nordeste, tendo como suporte as linhas de transmissão da Chesf.

Compartilhe:

Busca no Blog

Facebook


Twitter


Parceiros