23/04/2021
Por Danilo Evaristo em Notas

Adutora Monsenhor Expedito terá parada de 12 horas na terça-feira (27)

Os municípios atendidos pela Adutora Monsenhor Expedito terão uma parada de 12 horas no abastecimento de água nesta terça-feira (27), no período das 7h às 19h. A parada será necessária para que sejam feitas as adequações de equipamentos da Caern para a entrada no mercado livre de energia. Logo que o serviço for concluído, com o apoio da concessionária de energia elétrica, o fornecimento será retomado.

Desta vez, as adequações serão feitas nas estações de bombeamento 03 e 05, localizadas em Boa Saúde, e 15, localizada no município de Tangará.

Depois da retomada do abastecimento, ao final do serviço, o sistema levará até 48 horas para que esteja completamente normalizado. A Caern recomenda que, nesse período, a população utilize a água de forma racional, a fim de diminuir os eventuais transtornos.

As cidades atendidas pela Adutora Monsenhor Expedito – e que serão afetadas pela parada – são Rui Barbosa, São Pedro, São Tomé, São Paulo do Potengi, Japi, Coronel Ezequiel, Jaçanã, São Bento do Trairi, Lajes Pintadas, São José de Campestre, Serrinha, Sítio Novo, Boa Saúde, Serra Caiada, Lagoa de Velhos, Barcelona, Bom Jesus, Lagoa Salgada, Lagoa de Pedras, Tangará, Santa Cruz, Monte das Gameleiras, Serra de São Bento, Passa e Fica, Lagoa D`anta, Monte Alegre, Ielmo Marinho, Santa Maria, Senador Eloi de Souza e Campo Redondo.

Compartilhe:
23/04/2021
Por Danilo Evaristo em Notas

Governo do RN publica novo decreto com medidas restritivas

O Governo do Estado publicou na edição do Diário Oficial desta sexta-feira (23), o novo decreto com medidas restritivas, que começa a valer a partir deste sábado (24)

Veja Aqui

Compartilhe:
23/04/2021
Por Danilo Evaristo em Notas

Preço do pão francês deverá ser fixado próximo ao balcão de venda

Foto: Arquivo/Agência Brasil

A partir do dia 1° de junho, o tradicional pão francês (ou pão de sal) deverá ser comercializado com o preço do quilo do produto afixado próximo ao balcão de venda, em local de fácil visualização pelo consumidor, além de ser grafado com dígitos de pelo menos 5 centímetros de altura.

As determinações sobre como o produto deve ser comercializado constam de uma portaria do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) publicada hoje (23), no Diário Oficial da União.

A portaria acrescenta que a balança a ser utilizada deve ter, como característica, um medidor com divisão igual ou menor a cinco gramas, além da indicação de peso e preço a pagar.

Compartilhe:
23/04/2021
Por Danilo Evaristo em Mega-Sena

Mega-Sena: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 22 milhões

Foto: Marcelo Brandt/G1

G1

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.364 da Mega-Sena, realizado nesta quinta-feira (22) no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. A aposta mínima custa R$ 4,50 e pode ser realizada pela internet. O prêmio acumulou.

Veja as dezenas sorteadas: 20 – 33 – 42 – 44 – 51 – 56.

A quina teve 180 ganhadores; cada um receberá R$ 8.467,06. A quadra teve 1.719 vencedores; cada um levará R$ 1.266,57.

O próximo concurso (2.365) será no sábado (24). O prêmio é estimado em R$ 22 milhões.

Compartilhe:
22/04/2021
Por Danilo Evaristo em Jucurutu/RN

Presidente Bolsonaro confirma que fará visita a Jucurutu: “Brevemente iremos até a barragem de Oiticica”

Durante live realizada em suas redes sociais na noite desta quinta-feira (22), o presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro, informou  que brevemente fará visita ao município de Jucurutu/RN.

“Brevemente iremos até a barragem de Oiticica, próximo a Jucurutu no Rio Grande do Norte! Vamos lá concluir obras da transposição do São Francisco”, afirmou Bolsonaro.

Compartilhe:
22/04/2021
Por Danilo Evaristo em Notas

Com início de período chuvoso no Nordeste, Defesa Civil orienta estados sobre solicitação de reconhecimento federal

Gestores da Defesa Civil dos estados do Nordeste participaram, nesta quinta-feira (22), de uma capacitação sobre como agilizar os processos de reconhecimento de situação de emergência ou de calamidade pública. O período chuvoso está começando na região e o objetivo do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) é acelerar o atendimento a famílias que possam vir a ser afetadas.

De acordos com dados do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), a previsão é de que a chuva ocorra com maior frequência na Bahia e no litoral de Sergipe nas próximas duas semanas. Por isso, o secretário nacional de Proteção e Defesa Civil, coronel Alexandre Lucas, destacou a importância de alinhar as informações com os gestores e técnicos estaduais.

“Percebemos um rigor muito grande com alguns relatórios para a comprovação de danos, mas temos como utilizar ferramentas, como matérias jornalísticas, que ajudam a caracterizar os danos”, explicou Lucas. “Os papeis não podem ser mais importantes do que as pessoas”, completou o secretário.

Durante o encontro, foram apresentados alguns dos principais erros que são encontrados no preenchimento do Formulário de Informações de Desastres (Fide), no pedido de reconhecimento federal e nos planos de ações, como a solicitação de itens que não condizem com a quantidade de pessoas afetadas, além do envio de relatório com fotografias incompleto ou que não expressa a realidade do pedido.

“Em casos assim, temos que devolver o processo para o gestor explicar e isso vai atrapalhar todas as outras metas que podem estar corretas”, apontou Alexandre Lucas, que também sugeriu que os estados fizessem esse tipo de atendimento personalizado com os municípios.

Como aprimorar?

O secretário nacional de Proteção e Defesa Civil sugeriu duas ferramentas disponíveis para apoiar os gestores na apresentação dos documentos. A primeira é um curso a distância elaborado pelo MDR para a utilização do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD). “É certificado e está disponível 24 horas por dia. Tem detalhe de cada aba, cada parte do formulário, o que cada pessoa deve colocar. Exijam que o seu pessoal faça esse curso”, aconselhou.

O outro ponto é acionar a Sala Virtual de Gestão Aproximada, que está disponível para oferecer apoio personalizado aos estados e municípios sobre os processos de pedido reconhecimento, de resposta e de reconstrução. Para agendar o atendimento, o telefone é (61) 2034-5805. Além disso, é necessário manter o cadastro no S2iD atualizado para o envio de alertas, avisos e para que as equipes possam ser contatadas.

O diretor do Cenad, Armin Braun, ressaltou ainda que, além dessa reunião, outros encontros podem ser organizados quando forem observados desastres naturais. “Assim, trazemos os organismos de monitoramento nacionais e fazemos o alinhamento das informações com os órgãos federais que vão atuar na resposta. Tudo o que o estado precisar, podemos apoiar e articular na esfera federal”, disse.

Saiba Mais

Para solicitar os recursos federais destinados a ações de defesa civil, os estados e municípios afetados por desastres naturais devem ter decretada a situação de emergência ou o estado de calamidade pública. Em seguida, o reconhecimento federal deve ser solicitado ao MDR, por meio do S2iD. O pedido deve atender aos critérios da Instrução Normativa n. 36/2020.

Compartilhe:
22/04/2021
Por Danilo Evaristo em Notas

Caern lança campanha #Esgoto BemCuidado neste mês de abril

A Caern lança, através do Projeto Esgotamento Legal, a campanha #EsgotoBemCuidado. O foco é alertar sobre os perigos do lançamento das águas de chuva nas tubulações de esgoto.

Para ter acesso aos vídeos e informes da campanha basta seguir o perfil @caern115 no Instagram e Facebook. Dicas, cartilhas, jogos pedagógicos e vídeos serão disponibilizados através de uma lista de transmissão no WhatsApp, pelo número (84) 98138-9229. Para receber o material, basta salvar esse número na lista de contatos do celular e enviar uma mensagem no WhatsApp pedindo para ser adicionado.

A ligação irregular de água de chuva na rede de esgoto pode provocar a sobrecarga do sistema de esgotamento sanitário, causando transbordamento nas vias, retorno do esgoto para as residências, e a proliferação de vetores de doenças. Por esse motivo, a campanha educativa foi idealizada pela empresa.

Compartilhe:
22/04/2021
Por Danilo Evaristo em Notas

Centrais do Cidadão reabrem exclusivamente para atendimento de serviços do Itep

As Centrais do Cidadão reabrirão, a partir da próxima segunda-feira (26), exclusivamente, para disponibilizar o serviço de emissão de Carteiras de Identidade/Registro Geral (RG). A medida foi acordada após uma série de reuniões realizadas pela Secretaria de Estado da Administração (Sead) com a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) e o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep).

Tal decisão é justificada mediante a demanda reprimida por esse serviço, notadamente na Região Metropolitana de Natal, bem como em função do pagamento do Auxílio Emergencial pelo Governo Federal, que exige do cidadão documento oficial de identificação com foto. A ação faz parte da retomada segura e gradual dos serviços das Centrais do Cidadão, coordenada pela Secretaria Sead, por meio da Coordenadoria de Atendimento ao Servidor e ao Cidadão (Codaci).

A reabertura das unidades seguirá o regramento disposto na Portaria Conjunta nº 02 – SEAD/SESAP/ITEP, de 20 de abril de 2021, que estabelece a ampliação do tempo entre os agendamentos, o qual passa de 10 minutos para 15 minutos; a proibição de entrada nas Centrais do Cidadão e de atendimento de pessoas sem agendamento prévio; e o cumprimento dos protocolos de segurança sanitária, como o distanciamento social e o uso obrigatório e correto de máscara, por exemplo.

Sobre o horário de funcionamento das Centrais do Cidadão, ficou estabelecido que as unidades do Shopping Via Direta (Zona Sul) e do Shopping Estação (Zona Norte) funcionarão das 9h às 18h; a unidade de Parnamirim funcionará das 8h às 18h; e os demais postos de atendimento funcionarão, inicialmente, das 7h às 13h.

Os usuários deverão agendar os atendimentos na plataforma virtual das Centrais do Cidadão, disponível no endereço http://www.centraldocidadao.rn.gov.br. Neste site, seleciona a opção de Registro Geral (RG). As vagas são liberadas sempre no dia útil anterior ao dia de atendimento.

Compartilhe:
22/04/2021
Por Danilo Evaristo em Notas

Cejusc Currais Novos seleciona estagiários de pós-graduação em Direito e Psicologia

O Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc) da comarca de Currais Novos publicou edital para seleção de estagiários de pós-graduação remunerados. São oferecidas duas vagas, uma para a área de Direito e uma para estudantes de Pós-Graduação em Psicologia, havendo classificação final até o 5º colocado, para efeito de cadastro reserva.

O edital completo está disponível AQUI.

As inscrições serão realizadas através do e-mail  cejuscserido@tjrn.jus.br até o dia 30 de abril, encerrando-se às 18h da data final. O candidato deverá anexar ao e-mail os documentos solicitados no edital.

A lista definitiva dos inscritos será divulgada no dia 4 de maio no Diário da Justiça eletrônico (DJe).

Seleção

A seleção dos candidatos inscritos será realizada em duas etapas. A primeira é a análise curricular, de caráter classificatório, obedecendo aos critérios de pontuação estabelecidos no Anexo III do edital. A lista de aprovados nessa etapa será divulgada no Diário da Justiça Eletrônico (DJe), até o dia 10 de maio.

Os 10 candidatos aprovados serão no mesmo ato convocados para a segunda etapa do processo seletivo, entrevistas que ocorrerão na data provável de 12 de maio. As entrevistas serão conduzidas por videoconferência e tem caráter classificatório e eliminatório, em que se analisará exclusivamente a aptidão do candidato para a vaga, conforme as demandas da unidade e o perfil acadêmico desejado, examinando-se, ainda, outras experiências acadêmicas ou profissionais constantes no currículo do candidato.

Condições

A jornada de estágio é de seis horas diárias e 30 semanais. A critério do juiz da unidade, a jornada poderá consistir em trabalho presencial, semipresencial ou integralmente remoto. Ela deverá ser cumprida no período de expediente do Tribunal de Justiça, sujeita a modificação caso o aprovado resida ou estude em outra Comarca, desde que mantidas as seis horas obrigatórias.

O pós-graduando receberá mensalmente bolsa-auxílio, atualmente no valor de R$ 1.874, e auxílio-transporte, atualmente de R$ 127,60. A duração do estágio é de um ano, prorrogável pelo mesmo período.

Compartilhe:
21/04/2021
Por Danilo Evaristo em Notas

Comorbidades: Ministério da Saúde orienta vacinação contra a covid-19 por idade

Foto: Rodrigo Nunes/MS

Problemas cardíacos e do pulmão, hipertensão arterial e diabetes são algumas das doenças pré-existentes que podem oferecer risco de agravamento da covid-19. Para garantir a vacinação dos brasileiros que possuem comorbidades, o Ministério da Saúde se prepara para atender esse público-alvo, que é o próximo grupo prioritário na fila estabelecida pelo Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO), a partir do mês de maio.

É importante que as pessoas pertencentes ao grupo das comorbidades estejam pré-cadastradas no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI) ou em alguma unidade de saúde do SUS. Porém, quem não tiver inscrição, pode apresentar, no momento da vacinação, um comprovante que demonstre pertencer a um destes grupos de risco, como exames, receitas, relatório médico ou prescrição médica.

A orientação do Ministério da Saúde é que pessoas com comorbidades sejam convocadas para vacinação de acordo com a sua idade, dos mais velhos para os mais jovens. Assim, serão vacinadas pessoas de 55 a 59 anos, depois de 50 a 54 anos, e assim por diante. A lista de comorbidades está disponível no PNO a partir da página 27, acesse.

“O grupo prioritário das comorbidades é um dos maiores da ordem estabelecida pelo Plano de Vacinação do Ministério da Saúde. São mais de 17 milhões de pessoas que, muito em breve, serão vacinadas. Esse movimento será muito importante para proteger as pessoas que estão nesse grupo de risco e, também, para a ampliação da vacinação no Brasil”, comenta o secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo Medeiros.

O Ministério da Saúde vem realizando envios semanais de vacinas para todos os estados brasileiros, de acordo com a disponibilidade de doses enviadas pelos laboratórios fornecedores dos imunizantes. Desde o início da campanha de vacinação, no dia 18 de janeiro, já foram distribuídas mais de 53,9 milhões de doses de vacinas covid-19, alcançando aproximadamente 30,1 milhões de pessoas. Até o momento, 14 grupos prioritários foram contemplados, são eles:

– Trabalhadores de Saúde

– Idosos acima de 60 anos institucionalizados

– Pessoas acima de 18 anos com deficiência institucionalizadas

– Povos indígenas vivendo em terras indígenas com 18 anos ou mais atendidos pelo Subsistema de Atenção à Saúde Indígena

– Idosos de 90 anos e mais

– Idosos de 85 a 89 anos

– Idosos de 80 a 84 anos

– Idosos de 75 a 79 anos

– Povos e Comunidades Tradicionais Ribeirinha

– Povos e Comunidades Tradicionais Quilombola

– Idosos de 70 a 74 anos

– Idosos de 65 a 69 anos

– Idosos de 60 a 64 anos

– Forças de segurança e salvamento e Forças Armadas

Nathan Victor/Ministério da Saúde

Compartilhe:

Busca no Blog

Facebook


Twitter


Parceiros